Você está tendo problemas de queda de cabelo? Conheça o transplante de cabelo, a solução mais clara para a queda de cabelo. Envie-nos uma mensagem para obter informações detalhadas e uma consulta gratuita.

Queda de Cabelo Durante a Gravidez

HAIR LOSS DURING PREGNANCY 1

Durante a gravidez, ocorrem mudanças nos hormônios junto com a transformação do corpo. O cabelo é afetado por essas mudanças. As alterações hormonais afetam o ciclo de crescimento dos folículos capilares. Essa situação varia de acordo com o funcionamento do corpo da pessoa. Embora a queda de cabelo progrida normalmente em algumas mulheres grávidas, algumas apresentam queda de cabelo anormal. Em geral, essa queda de cabelo é observada no terceiro e quarto meses após o parto, enquanto o cabelo se regenera. Algumas mulheres também apresentam queda de cabelo antes do nascimento. Ambas são quedas de cabelo devido a flutuações hormonais que não são anormais. Ela é temporária. Dentro de 6 a 10 meses, a normalização é alcançada. Além das alterações hormonais, pode haver outros motivos que desencadeiam a queda de cabelo durante a gravidez.

Causas da queda de cabelo durante a gravidez;

Os níveis de estrogênio aumentam durante a gravidez. Os folículos capilares também são afetados por esse aumento. Além do hormônio estrogênio, pode haver outras causas que desencadeiam a queda de cabelo durante a gravidez. Essas são

– Interrupção da pílula anticoncepcional: As pílulas anticoncepcionais afetam as mulheres que são geneticamente predispostas à queda de cabelo, tanto durante o uso quanto após a interrupção.

– Deficiência de vitaminas e minerais: Náuseas e vômitos observados em muitas mulheres durante a gravidez causam deficiência de vitaminas e minerais. O excesso de suplementos, como a deficiência de vitaminas e minerais, também provoca queda de cabelo.

– Distúrbios do couro cabeludo: Nesse processo, pode ocorrer a queda da pele e do couro cabeludo devido à mudança e à transformação do corpo. Isso causa queda de cabelo.

– Doenças que ocorrem durante a gravidez: Doenças relacionadas à gravidez, como diabetes gestacional, infecções, hipertensão arterial e medicamentos usados em seu tratamento, causam queda de cabelo.

Doenças ginecológicas: A síndrome do ovário policístico, que ocorre devido a cistos benignos e malignos nos ovários, causa formação de acne, oleosidade, crescimento e queda de cabelo.

– Problemas com a tireoide: a secreção insuficiente de hormônios da tireoide afeta todo o metabolismo. Ela afeta muitas partes do corpo, desde fadiga, distúrbio de voz, problemas de sono até folículos capilares.

– Predisposição genética: Uma das causas da queda de cabelo durante a gravidez são os fatores genéticos. As pessoas geneticamente predispostas à queda de cabelo e cujas mães sofreram queda de cabelo durante esse período têm grande probabilidade de passar pela mesma situação durante a gravidez.

– Deficiência de ferro: Embora as mulheres grávidas se alimentem muito bem, as vitaminas e os minerais que elas recebem não são tão suficientes quanto em suas rotinas anteriores. A deficiência de ferro durante a gravidez causa anemia, fadiga, fraqueza e queda de cabelo.

Side effects of some medications used during pregnancy

Efeitos colaterais de alguns medicamentos usados durante a gravidez:

Como efeito colateral de medicamentos usados para doenças como diabetes gestacional e hipertensão arterial que se desenvolvem durante a gravidez, os folículos capilares enfraquecem e a queda de cabelo começa com o tempo.

Maneiras de evitar a queda de cabelo durante a gravidez
Durante a gravidez, é necessário se proteger de todos os tipos de produtos que contenham substâncias químicas para cuidar dos cabelos e de todos os outros métodos de tratamento. Métodos naturais devem ser usados o máximo possível para evitar a queda de cabelo.

– Nutrição adequada e balanceada: Uma lista de nutrição rica em vitaminas e minerais durante a gravidez minimizará a queda de cabelo. Deve-se dar preferência a alimentos com vitaminas B, C, E e zinco.

– Evitar penteados traumáticos: O uso de ferramentas tecnológicas, como alisadores de cabelo e pinças com alto teor de calor, tranças apertadas e penteados são os fatores mais prejudiciais que danificam o cabelo não só durante a gravidez, mas também na vida cotidiana.

– Cuidados com óleos e produtos naturais: O óleo de coco, o azeite de oliva, o óleo de alecrim e o óleo de argan são os óleos mais benéficos para os folículos capilares. Escolher o mais adequado desses óleos de acordo com seu tipo de cabelo e aplicá-lo duas vezes por semana por meio de massagem nutrirá o cabelo e reduzirá o nível de queda.

Evitar produtos que contenham substâncias químicas: Durante a gravidez, os especialistas recomendam usar somente produtos que contenham biotina e sílica. Além desses, é necessário evitar todos os tipos de produtos, inclusive xampu, condicionador e tintura de cabelo que contenham produtos químicos.

– Evitar o estresse: A gravidez é um processo estressante e o estresse é um fator que desencadeia a queda de cabelo. Por esse motivo, as mulheres grávidas não devem ficar em ambientes estressantes e a meditação as ajudará a relaxar não apenas fisicamente, mas também mentalmente. Isso tem um efeito positivo na redução da queda de cabelo.

– Estilo de pentear o cabelo: O cabelo fica mais frágil quando molhado. Por esse motivo, pentear o cabelo molhado danifica o cabelo e causa queda. Entretanto, a estrutura do pente a ser usado também é muito importante. Deve-se evitar um pente com dentes.

Conclusão

A queda de cabelo durante a gravidez e após o parto é uma condição causada por flutuações hormonais. Ela melhora em determinados períodos de tempo. É temporária. Se a queda de cabelo não voltar ao seu curso normal ao final desses processos, um médico deverá ser consultado. Os métodos de tratamento induzidos pela alopecia androgenética não são estritamente aprovados para serem aplicados durante esse período.

FAQ (Perguntas mais frequentes)

A interrupção do uso de pílulas anticoncepcionais pode causar alterações hormonais, o que pode levar à queda de cabelo. Além disso, a ordem de funcionamento do hormônio da tireoide muda devido à gravidez e isso pode causar queda de cabelo. A deficiência de ferro e a predisposição genética também estão entre as causas da queda de cabelo.

A deficiência de vitaminas e minerais ocorre como resultado da deterioração da dieta das mulheres durante a gravidez. Problemas como a queda de cabelo surgem em mulheres que não usam suplementos vitamínicos e minerais suficientes.

Uma das causas da queda de cabelo durante a gravidez são os fatores genéticos. As pessoas cujas mães também tiveram queda de cabelo durante esse período têm maior probabilidade de ter queda de cabelo durante a gravidez.

Alimentos com altos níveis de vitaminas B, C, E e zinco devem ser adicionados à dieta. O couro cabeludo pode ser massageado com óleos naturais, como óleo de coco, óleo de argan e óleo de alecrim. Os produtos de cuidado com substâncias químicas e o estresse também devem ser evitados.

Resumo em PDF e gravação de áudio

IGF Sac Tedavisi NedirO Que é o Tratamento Capilar IGF?
Afro Amerikalilara Sac EkimiTransplante Capilar Afro
About the Author: Hair Center
a6c0a16f1e1da0a862e2999e00efbcf9?s=72&d=mm&r=g
Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.